quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

O importante é

Não importa o que é o mundo em sua volta!
O importante são seus sonhos!
Não importa o que você é diante de tantas adversidades
O importante é o que você quer ser para ser feliz.
Não importa a onde você está ou de onde você parou o que Importa mesmo é para aonde você quer ir. Não importa o porquê fez as suas escolhas
O que importa é que será feliz diante de inúmeras escolhas e somente uma foi a melhor escolha.

Não importa suas mágoas ou quem as provocou
O que importa são suas alegrias momentos de felicidades e de grandes conquistas.
Não importa o que já passou pois as experiências nos ensina a deixar tudo para traz.
O passado? Guarde na sua lembrança somente as coisas e os momentos que lhe foi feliz e se lembrar não esquece de agradecer a Deus por ter te concebido esses momentos que tão fácil que não será esquecido.

Nunca pense em julgar de sempre uma chance antes de qualquer decisão para que a outra pessoa não saia fatalmente magoada sentindo condenada e sem direito a defesa.
Não veja, apenas olhe com cuidado em toda a sua volta respire fundo se você notar que alguém também te olha ao invés de te ver. Não escute, apenas ouça a cada batida do coração, tenta perceber se o dono desse coração não esta morrendo se isso estiver acontecendo de a ele a chance de falar para que so assim ele pare de bater em paz.
Não toque, apenas sinta.

Acredite naquilo que você quiser pois esse coração não sobrevivera depois de tantas idas e vindas por que já sabemos que não adianta sonhar ou lutar sabendo que o próprio coração se cansou.
O mundo é um espelho. Não quero ser o reflexo de um mundo que eu não faço parte e que nesse mundo eu não tenho voz e vez.

E só assim você conseguirá a Paz... Para alcançar seus sonhos.
Afinal o que importa? VOCÊ importa! Acredite em VOCÊ! Eu acredito... E VOCÊ!
Realizando os sonhos e acreditando em outros.
Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

sábado, 26 de novembro de 2011

Conquistas e Fé

A ausência diminui as paixões medíocres e aumenta as grandes, assim como o vento apaga as velas, mas atiça as fogueiras, ventos que sopram sobre nossas velas. Mantenha firme o seu leme e olhe para o horizonte não sei para onde vou, mas estou no caminho certo.
O homem superior atribui a culpa a si próprio o homem comum aos outros.
A indignação é um sinal de falta de óleo da Graça de Deus. Deixemos que o óleo do Senhor conserve a nossa temperatura branda.
A fé é a força da vida. Se o homem vive é porque acredita em alguma coisa.
Só se vence o ódio ou a indiferença com o poder da invenção do amor em dar inesperadamente muito mais do que foi perdido, Deus não escolhe os preparados. Prepara os escolhidos.
Sejamos como o sol que não visa nenhuma recompensa, nenhum elogio, não espera lucros nem fama, simplesmente brilha!
Os fracassos nos ensinam em que ponto devemos melhorar, Toda decisão acertada é proveniente de experiência. E toda experiência é proveniente de uma decisão não acertada.
As pessoas que tentam fazer uma coisa e fracassam estão definitivamente melhores do que as que procuram não fazer nada e conseguem, outras que ficam esperando que a oportunidade ponha a porta abaixo e entre e acabam esquecendo que a vida é uma sucessão de sucessivos que sucedem sucessivamente sem cessar.
Se você se encontra em um buraco, a primeira coisa a se fazer é parar de cavar mais fundo e cria estratégias para sair e seguir a diante de cabeça erguida.
Por que O verdadeiro homem não é aquele que conquista várias mulheres, mas sim aquele que conquista a mesma todos os dias.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

sábado, 8 de outubro de 2011

ORAÇÃO DAS MULHERES


Um brinde aos nossos namorados que nos conquistaram,
aos sortudos que ainda
vão nos conhecer
e oas trouxas que nos
perderam.
Um brinde a nós,
mulheres maravilhosas,
absolutas e portadoras da sedução, que
nenhum filho da puta sabe dar valor!
Que os nossos sejam nossos,
que os delas sejam sempre nossos, que
os nossos nunca sejam delas, e que se
forem delas, que sejam brochas!!!
Bebo não é por vício, não é por nada,
bebo porque vejo no fundo deste copo a
imagem do homem amado…
MORRE AFOGADO
FILHO DA PUTA DESGRAÇADO!!!
Que os nossos
maridos sejam ricos,
que os nossos amantes sejam gostosos e
que eles nunca se encontrem
que a fonte nunca se seque
e que nossa sogra nunca se chame
Esperança pq Esperança é a última q/ morre!
Deus é 10, Romario é 11, wuisque é 12,
Zagallo é 13, e acima de 14
eu to pegando!
Que sobre, nunca nos falte,
e que a gente dê conta de todos,
Amém!

Pensando Bem!



Pensando Bem!
De todas as minhas conquistas a maior delas são os meus amigos.
Quando um homem morre não é um homem que morre, mas um mundo que morre dentro desse homem.
Em muitos julgamentos mesquinhos julgamos nós mesmos na figura do outro,
Que sejamos senhores da nossa língua para não sermos escravos das nossas palavras.
Perdoar é o modo mais sublime de crescer.
Pedir perdão é o modo mais sublime de se levantar.
Somos livres para escolher nossas ações, mas prisioneiros de nossas conseqüências.
Eu aprendi que é difícil determinar a linha entre ser agradável e não ferir as pessoas...
Mergulha no que te dá vontade.

Que a vida não espera por você. Abraça o que te faz sorrir. Sonha que é de graça. Não espere. Promessas, vão e vem. Planos, se desfazem. Regras, você as dita. Palavras, o vento leva. Distância, só existe pra quem quer. Sonhos, se realizam, ou não. Os olhos se fecham um dia, pra sempre. E o que importa você sabe, menina. É o quão isso te faz sorrir. E só.

A gente vive se perguntando: “Porque eu? Com milhares de pessoas no mundo, porque logo comigo?” Quer realmente saber porque? Porque você é forte, e Deus nunca dá um peso maior do que podemos agüentar.
Quando os homens deixam de crer em Deus, depois disso, eles não crêem em nada, então se tornam capazes de crer em qualquer coisa.

Lembre-se que o melhor relacionamento é aquele no qual o amor de um pelo outro é maior do que a necessidade que um tem do outro.
Conserve os olhos fixos num ideal sublime, e lute sempre pelo que deseja, pois só os fracos desistem e só quem luta é digno de vida.

Um Amigo de verdade e aquele que jamais é esquecido e mesmo quando ausente ele se torna presente dentro do nosso coração.
Obrigado por sua Amizade !

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Entre Eu e Você




Para onde ir quando tudo chegou no fim?
Sem o teu amor, onde existe um lugar que me conforte o coração
durante os meus dias?
Como prosseguir se não existe você, você em minha vida?
Será que você não vê o amor que eu sinto por ti?
Será que você não entende se quer que é um pedaço de mim?
Deus me concedeu você o amor mais lindo que um dia pude ter.
Um amor maior que tudo.
Ele fez nascer o infinito amor um amor que ficaria entre eu e você.
Diga, então, porque se aborreceu se na verdade eu só queria te amar.
O que nos separou foi por coisas banais ou os meus erros imperdoável.
Será que você não vê o amor que eu sinto por ti? Será que você não vê o que
Os meus sentimentos por você são por que Deus me concedeu o amor mais
lindo que um dia pude ter e parece que foi ontem que nasceu o infinito amor
Entre eu e você.
Deus me concedeu o amor mais lindo que um dia pude ter você em minha vida,
ele fez nascer o infinito amor que um dia eu chamei de entre eu e você.
Os dias que eu vivo sem você são como um deserto é como se o mundo perdesse
o calor do sol é assim os meus dias sem você frio e vazio.
Sozinho no universo a vagar sabendo que um dia era eu e você, entre eu e você.

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)


quarta-feira, 14 de setembro de 2011

A FÉ



Pensando em Deus e pedindo que a luz do céu ilumine o meu caminho como sempre tem feito.
É pensando em Deus que eu me envolvo completamente na tentativa que minha vida mude por que a fé é o combustível para erguer qualquer ser humano dentro de um buraco ou nesse universo e somente a fé remove as montanhas e assim continuar a seguir nesse mundo chamado universo.
Voando bem alto através dos pensamentos na certeza que Deus esta sempre comigo mesmo nas horas tristes como tenho vivido e sempre na certeza de encontrar o que estou à procura por que tudo é um grande mistério em nossa volta, mistério que não entendemos às vezes em distinguir ou ate mesmo aceita-los, um dia agente levanta e o sol esta brilhando sem nuvens no céu e o dia esta simplesmente lindo e não percebemos que através de um vento suave que passa singelo possa mais tarde trazer uma tormenta.
A chuva cai forte ao anoitecer e com os raios em meias chamas que toca o solo parece que o mundo vai se acabar e nas ruas as fortes enxurradas que se forma e atrás da janela na esperança que a tempestade passe logo e sem perceber a noite entra pelas madrugadas a fora, mas do nada o dia amanhece e o sol volta a nascer e com ele a prova que a tempestade se foi e o medo vai embora.
Assim é a nossa vida espiritual diante das adversidades e lutas Deus não da mais que possamos carregar e quando o fardo é pesado de mais ele esta ali para nos incentivar a não desistir.
Pessoas entram e saem de nossas vidas! Mas Deus não sair por que o seu amor é único e é para todos.
Encontramos pessoas que muitas das vezes faz parte da alegria de nossas almas, mas o tempo acaba mostrando quem elas são no começo não entendemos é por que passamos uma boa parte do tempo cego e mesmo cegos culpamos o mundo.
E com o tempo essas pessoas saem de nossas vidas por si só, saem sem agente ter mandar, eles são como a tempestade elas vem e vão como a chuva e os raios que toca ao chão e são tantos que nos fere a alma ao ponto de desejar morrer o corpo e se não for forte acaba perdendo a alma que seguira pela escuridão.
Nada é ao contrario do que Deus planeja e da mesma forma tudo que virou tempestade em nossas vidas volta amanhecer e as lagrimas que rolavam pelo rosto como as enxurradas seção diante dos ventos que rugem com fúria incessante e os problemas que cai como raios enfurecidos que tocam o chão que pensamos em desistir da vida por causa do peso do fardo.
Palavras que da a vida, palavras que incentiva, palavras que induz e a pior palavras que matam sem nem um remorso.
Um homem pode ate receber o perdão por matar o corpo, muito difícil ser perdoado por esfolar a alma.
Ao final de tudo isso ele se aquecer diante do sol e ao olhar para o horizonte sabendo que dali para frente se aquecera com Cristo que é o conforto e o seguro e seguro em suas mãos haverá sempre um novo rumo a segui...
E nos braços de cristo me aqueço como a terra que se aquece diante do sol pelo universo a fora.
Assim as coisas seguem como Deus quer e não como eu quero por que os meus planos muitas das vezes não é o de Deus
E mesmo sem eu merecer os meus inimigos não terá o poder de me enxergar por que sou protegido e escolhido por Deus é por isso que tento cada dia assumir um COMPROMISSO com cristo.
Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

Maior que a razão!



Foi maior que minha razão.
Roubar-te um beijo,
É e sempre foi o meu desejo
Roubar de ti um beijo.

Sei que avancei o sinal,
Mas fui verdadeiro e natural.
Um beijo roubado não faz mal
De quem que te que tão bem.

Sentir seus lábios foi um presente.
Beijar sua boca foi atrevimento
Acredite eu faria de novo sou ousado.
Beijo roubado coisa de momento.
Jamais cairá em esquecimento.

finge que fugiu do meu controle.
Corri o risco de não ser retribuído.
Mas seu olhar me deixou
Mas ainda atraído em te beijar
bem mais.

Pode ser que eu esteja enganado,
mas você gostou, percebe que
você em nenhum momento
Mostrou-se acuada, assustada.
E sim me pareceu bem agradado.

Senti em seus lábios o doce
Do quero mais....
Senti em seu olhar a vontade
De olhar e voltar atrás e pedir que
eu fizesse de novo.
Mas eu percebe que voltou e

quando menos esperei,
O beijo roubado eu ganhei.
Ai depois desse beijo,
Nunca mais eu parei de pensar em
você, e vários beijos roubados
De ti eu ganhei!
O seu ladrão virei a sua vitima!
Autor:
Jair Ribeiro (Juquinha)

Fugiu de mim



Fugiu de mim a inspiração.
Foi hoje embora meu dom.
Cansei de fazer versos certos e
corretos.
Ausentei-me de ser ritmado e
reto.
De falar com vocábulo rico e
contagiante, cansei de ser
como antes .
Nem vou ler mais esse monte de
livro na estante.
Não quero ler mais o jornal do dia.
Não sou mais normal, está triste
minha alegria.
Não sou mais pára-raios de emoções, e
nem vendedor de ilusões.
Não vou filosofar assuntos intrigantes, e
vou optar pelo simples menos arrogante.
Não quero ouvir assovio e nem berrante.
Sou hoje o poeta rebelde.
Sou hoje o poeta errante.
Voltando pra casa fudindo com um monte de apelido e mais bonito elefante.
Veja so que sacanagem esses dias que eu passei.
Fui inventar de ser chique no jantar do Herculano, bem no meio do jantar a luz se apagou e eu com esperteza me te a mão na bebida e dei varias golada rápida
eu fui dando nem muito tempo demoro a luz se acendeu.
No outro dia eu vi o resultado que a bebida me deu e pro banheiro eu fui correndo.
Quase virei do avesso na privada, mas que dor do cão.
Minha filha veio me dizer que uma garrafa de óleo esvaio assim que luz se pagou.
Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

A Viagem



A Viagem

Em algum lugar destas terras, há um doce olhar só para você...
Um olhar especial, de alguém especial de distantes origens...
Um olhar de um justo coração que pulsa só a vida,
que sorri porque ama plenamente sem julgamentos,
preconceitos, nem distinções.
Hoje, como ontem, longe desses céus,
há um encantado olhar só para você...
e nesse olhar vai para você a magia da luz,
a simplicidade do perdão,
a força para comungar uma vida.
Hoje, de algum lugar dentro de você,
alguém que já o amou muito,e ainda o ama,
diz para você que valeu a pena ter estado nestas terras,
sob estes céus, falando de paz, união, amor, perdão.
Poder sentir a força que faz você sorrir
e continuar o caminho...
que um dia aquele doce olhar iniciou para você.
Tudo isso, só para você saber que a vida continua...
E que a morte, é uma viagem.
Jair Ribeiro (Juquinha)

O VELHO SERTANEJO



O VELHO SERTANEJO


Quando a tarde vem, e o sol vermelho,
paira no horizonte, me ofuscando a vista,
vem um ancião, que me dá conselhos...
Diz que é santa a fé, que almeja a conquista.
E nesses conselhos eu vou me espelhando
com o passar dos anos, e o passar dos dias,
olho pro meu pai já um veterano
quem sabe adiante eu lhe traga alegria.
Este sertanejo que vive na caatinga,
que abre um sorriso tão encantador,
muitas vezes chora, mais nunca ele xinga
que bem diz a terra, e declara amor.
Este simples homem, que fala com as plantas,
que advinha a chuva ao olhar pro céu,
que se deita cedo, e cedo se levanta...
Que cultiva abelhas, e não lhe rouba o mel.
Autor:
Jair Ribeiro (Juquinha)

Abraços



Abraços

Tem ABRAÇOS de todo jeito, todo tamanho,
e que significam tantas coisas...
Tem o abraço de diz "Sou muito feliz
porque tenho a sua amizade"
E tem abraços que querem dizer
"Eu tenho muito orgulho de você".
Tem abraços especiais para dizer
"Não existe no mundo ninguém como você".
Tem abraços ternos, abraços com carinho,
Para expressar os sentimentos tristes.
Abraços que murmuram "Sinto muito",
quando alguém precisa de um amigo.
Tem abraços para todas as ocasiões,
Todos com as suas razões.
Tem abraço manso, abraço de urso,
abraço grande e aquele abração.
Mas o melhor abraço
é um que diz
"Eu estou sempre pensando em você."
E tem o tipo especial
que você vai receber
Este abraço que diz
"EU AMO VOCÊ !"

Jair Ribeiro (Juquinha)

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

O Silêncio



Nós os índios, conhecemos o silêncio. Não temos medo dele.
Na verdade, para nós ele é mais poderoso do que as palavras.
Nossos ancestrais foram educados nas maneiras do silêncio e eles
nos transmitiram esse conhecimento.
"Observa, escuta, e logo atua", nos diziam.
Esta é a maneira correta de viver.
Observa os animais para ver como cuidam se seus filhotes.
Observa os anciões para ver como se comportam.
Observa o homem branco para ver o que querem.
Sempre observa primeiro, com o coração e a mente quietos,
e então aprenderás.
Quanto tiveres observado o suficiente, então poderás atuar.
Com vocês, brancos, é o contrário. Vocês aprendem falando.
Dão prêmios às crianças que falam mais na escola.
Em suas festas, todos tratam de falar.
No trabalho estão sempre tendo reuniões
nas quais todos interrompem a todos,
e todos falam cinco, dez, cem vezes.
E chamam isso de "resolver um problema".
Quando estão numa habitação e há silêncio, ficam nervosos.
Precisam preencher o espaço com sons.
Então, falam compulsivamente, mesmo antes de saber o que vão dizer.
Vocês gostam de discutir.
Nem sequer permitem que o outro termine uma frase.
Sempre interrompem.
Para nós isso é muito desrespeitoso e muito estúpido, inclusive.
Se começas a falar, eu não vou te interromper.
Te escutarei.
Talvez deixe de escutá-lo se não gostar do que estás dizendo.
Mas não vou interromper-te.
Quando terminares, tomarei minha decisão sobre o que disseste,
mas não te direi se não estou de acordo, a menos que seja importante.
Do contrário, simplesmente ficarei calado e me afastarei.
Terás dito o que preciso saber.
Não há mais nada a dizer.
Mas isso não é suficiente para a maioria de vocês.
Deveríamos pensar nas suas palavras como se fossem sementes.
Deveriam plantá-las, e permiti-las crescer em silêncio.
Nossos ancestrais nos ensinaram que a terra está sempre nos falando,
e que devemos ficar em silêncio para escutá-la.
Existem muitas vozes além das nossas.
Muitas vozes.
Só vamos escutá-las em silêncio.

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

Se eu pudesse te daria as Estrelas



Se eu pudesse,
te daria as estrelas
Mas não posso
Estrelas foram feitas para brilharem no céu.
Se eu pudesse,
te daria o céu
Mas não posso
O céu é a casa de Deus.
Se eu pudesse,
te daria a Lua
Mas não posso
A Lua tem que iluminar as nossas noites.
Se eu pudesse,
te daria o Sol
Mas não posso
O Sol tem que iluminar nossos passos todos os dias.
Se eu pudesse,
te daria o mar
Mas não posso
Os peixes precisam do mar
para viver.
Se eu pudesse,
te daria a chuva
Mas não posso
As plantas precisam da chuva para viver.
Se eu pudesse,
te daria o tempo
Mas não posso
O tempo corre e nunca atende
os nossos desejos.

Se eu pudesse, te daria
os anjos do céu
Mas não posso
Eles têm que guiar nossos caminhos.
Se eu pudesse,
te daria todos os tesouros do mundo
Mas não posso
Os maiores tesouros se conquistam a cada dia.
Se eu pudesse,
te daria
tanta coisa
Mas só o que eu tenho
a oferecer é o meu amor.
Amor, que pode iluminar
as tuas noites.
Que pode guiar os teus passos todos os dias.
Que é a minha fonte para viver.
Amor, que supera o tempo
e a distância.
Que dá vida a um jardim
sem flores.
Que é o maior de todos
os tesouros.
Amor, que me faz pensar
em ti todos os dias.
Que me faz feliz.
Que me faz chorar.
Amor, que está guardado
em meu coração.
Que nasceu e cresceu
em meu peito.
Mas que pertence a você...
Meu Grande Amor!!!


Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

Declaração de Amor




Gosto de você,não apenas pelo que você é,mas pelo que eu sou quando estou com você.
Gosto de você não apenas pelo que você fez de você mesmo,mas pelo que você está fazendo de mim.
Gosto de você por saber extrair o que há de bom em mim.
Gosto de você por colocar a mão no meu coração transbordante passando por cima de todas as coisas frívolas e francas que você não pode deixar de ver,e levando para a luz todas as coisas belas e radiantes que jamais alguém encontrou por não ter procurado tão fundo.
Gosto de você por não dar atenção às possibilidades do tolo que está dentro de mim aumentando minha música por me escutar com reverência.
Gosto de você por estar me ajudando a construir com os trastes da minha vida,não uma taverna e sim um templo, e com minhas palavras,não uma censura, e sim uma canção.
Gosto de você por ter feito mais do que qualquer doutrina para me fazer feliz.
Você o fez sem um toque,sem uma palavra,sem um sinal.
Você o fez sendo você mesmo.

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

De hoje em diante!




De hoje em diante todos os dias ao acordar, direi:
Eu hoje vou ser Feliz!
Vou lembrar de agradecer ao sol
Pelo seu calor e luminosidade,
Sentirei que estou vivendo, respirando.

Posso desfrutar de todos os recursos da natureza gratuitamente.
Não preciso comprar o canto dos pássaros,
nem o murmúrio das ondas do mar.
Lembrarei de sentir a beleza das árvores, das flores.
Vou sorrir mais, sempre que puder.
Vou cultivar mais amizades e neutralizar as inimizades.
Não vou julgar os atos dos meus semelhantes ou companheiros
Vou aprimorar os meus.

Lembrarei de ligar para alguém para dizer que estou com saudades!
Reservarei minutos de silêncio,
para ter a oportunidade de ouvir.
Não vou lamentar nem amargar as injustiças,
Vou pensar no que posso fazer para diminuir seus efeitos.
Terei sempre em mente que um minuto passado, não volta mais.
Vou viver todos os minutos proveitosamente,

Não vou sofrer por antecipação prevendo futuros incertos,
Nem com atraso, lembrando de coisas
sobre as quais não tenho mais ação.
Não vou pensar no que não tenho e que gostaria de ter,
Mas em como posso ser feliz com o que possuo,
E o maior bem que possuo é a própria vida.

Vou lembrar de ler uma poesia e de ouvir uma canção,
Vou dedicá-las a alguém.
Vou fazer alguma coisa para alguém, sem esperar nada em troca,
Apenas pelo prazer de ver alguém sorrir.
Vou lembrar que existe alguém que me quer bem,
Vou dedicar uns minutos de pensamento para os que já se foram
Para que saibam que serão sempre uma doce lembrança,
até que venhamos a nos encontrar outra vez.

Vou procurar dar um pouco de alegria para alguém,
Especialmente quando sentir que
a tristeza e o desânimo querem se aproximar.
E quando a noite chegar, vou olhar para o céu,
para as estrelas e para o luar e
Agradecer aos Anjos e a Deus, porque
Hoje Eu fui Feliz!

Jair Ribeiro (Juquinha)

VOCÊ FOI TUDO



Você foi tudo o que procurei pela vida
Um sonho, uma ilusão...
Você chegou e foi ficando
E me fez ficar com uma vida cheia de amor...
Chegando e se apoderando..
Talvez por eu estar carente...
E na minha mente, quem sabe?
Só você conseguiria me preencher...
Com suas palavras e gestos ardentes...
Só você conseguiria me completar, me satisfazer...
Foi se aconchegando e tomou conta do meu coração
Com seu sorriso largo me fez sonhar
E com todos os sonhos, revirou minha cabeça, revirou minha vida
E fez renascer minha alma
Se tornando minha paixão...o meu tesão...
E da mesma forma que chegou, se foi...
Com apenas uma palavra você pôs fim em mim
Deixando aqui marcas profundas de um amor
Com muitas lágrimas, com um coração explodindo
Você conseguiu me fazer sofrer
Você fez de mim um trapo
Que está difícil de não se transformar em um farrapo
Meus olhos já não brilham
Meu sorriso, por mais que tente
Não consegue mais sorrir...
Meu corpo já não treme tanto
Quando te vê chegar...
Como tremia antes de tanto prazer, de tanta ternura..
Você conseguiu fazer com que,
Eu, meu corpo e minh'alma
Deixassem de existir...

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

terça-feira, 23 de agosto de 2011



Creia

Irmão, se você está sofrendo.
A prova ardente não te deixa se alegrar.
O tempo passa, e a velhice vai passando.
E o amor já começa esfriar.
Das orações que tu tens participado.
Tens ouvido que o Senhor vai operar.
Muitas delas a decepção foi grande.
Mas Deus garante, a palavra cumprirá.
Coro:
Creia, a prova não derrota o valente.
Deus vai provar pro inferno que tu és crente.
E ninguém jamais irá te derrubar.
Creia, o Senhor vai levantar tua cabeça.
O importante é tu sentires tua presença.
E saber que Deus contigo ainda está.

Ainda que estejam te acusando.
De tantas coisas que nunca poderão provar.
Mas fique em paz, pois o Senhor dará vitória.
A tua causa ele justificará.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Idéias de Merda!



Não leve a vida tão a sério, afinal, você não vai sair vivo dela mesmo em dia de tempestades e trovoadas o local mais seguro é perto da sogra, pois não há raio que a parta.
Solteiro é um sujeito que chega toda manhã ao trabalho vindo de uma direção diferente, se você não encontrar sua metade da laranja, não desanime, procure sua metade do limão, adicione açúcar, pinga, gelo e seja feliz.
Só não crio juízo porque não sei o que ele come, dizem que homem satisfeito não trai, mas alguém já viu homem satisfeito?
O que adianta ser rico,usar roupa de marca se o melhor da vida se faz estando nu, Sexo é como vestibular, não importa a posição, o importante é entrar.
Se ferradura desse sorte, o burro não puxava carroça
Se você está se sentindo sozinho, abandonado, achando que ninguém liga para você… atrase um pagamento.
Por maior que seja o buraco em que você se encontra, pense que, por enquanto, ainda não há terra em cima.
Os homens mentiriam muito menos se as mulheres fizessem menos perguntas.
Mulher bonita é igual a tsunami:
Quando chega vem cheia de onda e ninguém enxerga o perigo.
Quando vai embora leva carro, casa e tudo mais que estiver ao seu alcance.
Eu queria morrer como o meu avô: dormindo, tranquilo… E não gritando desesperadamente como os quarenta passageiros do ônibus que ele dirigia!
Saudades da família, principalmente da cabeludinha do meio.
Eu não quero um princesa, eu quero uma mulher que seja capaz de cativar meu coração sem eu ter que me esforçar pra gostar dela
Que as pulgas de mil camelos infestem o meio das pernas da pessoa que arruinar seu dia, e que os braços dessa pessoa sejam curtos demais pra se coçar… Amém
Nunca segure seus puns.Eles sobem pela sua espinha, entram no seu cérebro e aí surgem as Idéias de Merda.

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

Acredite em você mesmo



Os homens envelhecem, mas nem sempre amadurecem.
A amizade é semelhante a um bom café uma vez frio, não se aquece sem perder bastante do primitivo sabor.
A essência do nosso ser é constantemente disfarçada pela exigência que a aparência secular exige.
O homem livre é senhor de sua vontade e somente escravo de sua consciência.
Conhecer não é demonstrar nem explicar: é aceder à visão jamais desesperes, mesmo perante as mais sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda.
Não és bom porque te louvam, nem desprezível porque te censuram; és o que és, e o que poderão dizer de ti, não te fará melhor do que vales aos olhos de Deus por que o ódio nunca é vencido pelo ódio. Mas pelo amor.
Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado imagine uma nova história para sua vida e acredite nela.
Se a sua vida for a melhor coisa que já te aconteceu, acredite, você tem mais sorte do que pode imaginar.
Acredite, confie em seus planos e a vida será cada vez melhor. Os seus pensamentos irão determinar o tipo de vida que você vai ter. Portanto, tenha pensamentos positivos,
de esperança. Confie! Se você pensar que as coisas boas lhe acontecerão, isto se tornará realidade. Afinal, nosso pensamentos
são como ímã: se você pensar em coisas boas, só atrairá coisas
boas. Se você pensar em coisas ruins, elas virão rapidamente! A
decisão é sua!
Acredite em você mesmo, pois é só você que pode se alto julgar. Ouse, arrisque e nunca se arrependa. Não desista jamais e saiba valorizar quem te ama, esses sim merecem seu respeito. Quanto ao resto, bom, ninguém nunca precisou de restos para ser feliz.
Não leve a vida tão a sério, afinal, você não vai sair vivo dela mesmo.
Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Hoje eu preciso te encontrar




Hoje eu preciso te encontrar de qualquer jeito so para olhar você como eu fiz antes
Nem que seja só de longe por que um dia eu olhei bem pertinho sem e nunca imagina que hoje so seria de longe.
Depois de um dia normal como qualquer outro dia sentia uma imensa vontade de olhar teus olhos de promessas fáceis que vinha de dentro de você como se me prometesse o mundo e nele eu via que era só nos.
Hoje eu sinto a vontade de te beijar a boca como eu sempre fazia antes de um jeito que te faria feliz, hoje eu fecho os olhos e imagino voltando no passado e vendo tudo isso acontecer ate parece que é real, sinto que te faça rir depois de minhas palhaçadas eu sempre esperei o sorriso no final.
Hoje eu sinto a vontade de te abraçar sem ter que voltar ao tempo e lembrar que tudo isso aconteceu sem ter que imagina que só hoje e sempre eu preciso de você, sentir teu cheiro de roupa limpa pra esquecer os meus anseios e dormir em paz!
Hoje eu queria ouvir qualquer palavra tua!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria como sempre, so para eu me sentir vivo e não imaginar que morre junto de tudo que eu vivi.
Hoje eu preciso tomar um café, lembrando de todas as manhãs que eu sorri com você, lembrei que um dia pela manhã as gargalhadas que dávamos quando uma cachorra muito especial usava absorvente de mulher e eu desmanchei de tanto que eu ri desse momento e ao mesmo tempo ouvindo você suspirar de tantas alegrias cheguei a pensar que ouve você dizer que eu sou o causador da tua insônia...
Só que na verdade eu sempre faço tudo errado sempre, sempre mesmo assim eu hoje como todos os dias eu preciso de você.
Com qualquer humor, com qualquer sorriso que seja, era assim que eu preciso de você!
Hoje e sempre só tua presença vai me deixar feliz
Só hoje e sempre
Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
só para que me sinta vivo para não imaginar que um dia tudo morreu e inclusive eu.
Hoje eu preciso tomar um café, lembrando de todos os momentos que eu tive perto de você ouvindo você suspirar quando você dormia em meus braços todas as noites.
cheguei imaginar que eu seria o causador da tua insônia...
e por muitas vezes eu fiz tudo errado como sempre eu fazia tudo errado.
Hoje preciso de você hoje e sempre Com qualquer humor, com todos os seus sorrisos!
Hoje só tua presença me faria feliz e me faria sentir-me vivo.
Aprende que hoje vivemos o presente e seguimos caminhos diferentes e que podemos mudar o futuro, mas nunca vamos mudar o que aconteceu no passado.
Tudo pode mudar no futuro, mas o passado não e do passado eu guardo os melhores momentos para eu poder provar no futuro que lá eu estive vivo, mas morrendo hoje no presente.
Autor Jair Ribeiro (Juquinha)


quinta-feira, 28 de julho de 2011

Como esquecer você?




Se a cada tristeza
lembro-me do teu sorriso?
Se a cada solidão
sinto a tua presença?
Se a cada lágrima
lembro-me do seu silêncio?
Se a cada palavra
lembro-me de você?
Você está a cada ausência.
Você está a cada gesto.
Em cada amanhecer da vida.
No silêncio do
meu pensamento.
Lembro-me que
foi bom te conhecer.
E sentir que
sou o bastante...
Para te encontrar
em cada alvorecer.
Te gosto com
qualidades e defeitos.
Quero somente que
você me aceite apenas como sou.
Pense em alguém
no silêncio da noite.
Alguém que não precisa nem
do silêncio da noite
para pensar em você.
Algum dia serei
algo que passou na sua vida.
Mas, para mim você sempre
será alguém que
lembrarei com muito amor...
Te amo e sempre hei de amar.

Jair Ribeiro (Juquinha)

Saudade




Mais um dia que se passa,
e eu aqui, sem graça, pensando em você.
O que fazer pra não sofrer?
Enganar a solidão?
Mentir pro coração?
Talvez seja solução...

talvez não.
O tempo passa, tudo passa,
menos você que a cada dia que se passa,
se torna mais presente dentro de minha mente.
Todos os dias quando acordo,
penso que foi um sonho,
um pesadelo,
e lembro de você sorrindo pra mim,
dizendo que me ama e que nunca vai me deixar,
mas quando caio na real,
percebo que você deixou de me amar,
ou que talvez nunca tenha amado,
e que você é apenas mais um safado.
Que brinca com os sentimentos alheios
e que não se importa com quem vai sofrer,
mas cuidado,
hoje sou eu,
amanhã pode ser você.
Você me fez acreditar novamente no amor,
acreditar que eu finalmente seria feliz com o homem que eu amo,
que bobagem,
agora percebo que vivi uma mentira e isso aumenta mais a minha ira.
Não pode ser verdade,
você não pode ter mentido o tempo todo e ter me deixado na saudade.
Volta, e diz que foi tudo uma brincadeira de mau gosto,
ou que você só estava confuso,
precisando de um tempo pra pensar
e que nesse tempo descobriu que nunca vai deixar de me amar,
volta me pega em seus braços,
me joga na cama e faz amor comigo,
devagarinho...
pede perdão e tira essa dor do meu coração...
Essa dor que machuca, perturba
e parece querer arrancar tudo de dentro do meu ser.
Como posso esquecer?
Se tudo lembra você.
Cada palavra, cada gesto, cada pensamento.
Como lamento...
Não por te perder mas por restar tanto querer.
Procuro teu calor em outros braços,
teus beijos em outra boca,
procuro você como uma louca.
Tudo em vão...
nada satisfaz meu coração.
Então imagino, você aqui comigo,
me chamando de amor, fazendo carinho,
nossa, que sonho lindo.
È tudo que me resta,
então vou à uma festa,
zoar, curtir, beber, dançar e esperar...
Que um dia você você volte
a me amar.

Jair Ribeiro (Juquinha)

Você pode e você deve!



É muito comum ouvirmos as pessoas dizerem que se amam,
que mantêm sua auto estima em alta,
mas o amor próprio é muito mais profundo do que imaginamos.
Responda honestamente a você:
Você gosta incondicionalmente de você?
É feliz na sua vida como ela está?
Faz todas as coisas que lhe fazem bem?
Procura tomar sempre decisões em favor de sua felicidade?
Logicamente que a maioria das respostas será "não".
Se uma pessoa não se ama, não procura fazer sua própria felicidade,
não conseguirá jamais amar verdadeiramente outra pessoa.
Como pode dar algo que não tem?
Uma pessoa pode dizer que ama outra pessoa,
mas o que acontece é que ela deve estar apenas apaixonada,
e paixão é bem diferente de amor.
Deve estar querendo amor de verdade, mas não consegue.
Dentro da aura de cada um existe um
campo magnético que produz o magnetismo do amor.
Quando a pessoa se ama de verdade,
esse campo magnético começa a irradiar um
fluxo de energia especial, que se expande sobre
todas as pessoas de seu convívio, até mesmo
alguém que você não conheça,
quando se lhe aproxima sente um calor ou
um sentimento de amor, sente vontade de ficar ao seu lado,
de conversar, estreitar laços de amizade.
Este encontro magnético acontece porque
existe em você um fator de atração do Amor Próprio,
e este só acontece quando alguém
irradia telepáticamente e, logicamente,
só conseguirá irradiar esta energia se
realmente o estiver sentindo.
Toda pessoa que não se ama, pelo seu magnetismo pessoal,
acaba atraindo também pessoas com mesma característica, e,
devido a esta atração começam a acontecer
conflitos em relação à afetividade.
Acabam sempre dividindo mágoas e ressentimentos.
Nunca poderemos dar amor, ou sermos amados verdadeiramente,
se não formos os primeiros a fazê- lo.
E para isso precisamos aprender a nos dar amor
E como é possível isso?
Os Mandamentos da Auto Estima
Quem se ama de verdade evita pensar ou
vivenciar o passado triste e, quando se lembra,
mentaliza apenas como experiência para sua evolução,
vê de forma fria e natural tudo o que aconteceu
no passado, procura tirar proveito dos acontecimentos do passado.
Quem se ama de verdade, mantêm o controle emocional
para não deixar as calúnias, palavras ofensivas e
desarmonias caírem sobre a sua Aura.
Quem se ama de verdade não espera ser compreendido,
prefere compreender as pessoas de um modo geral,
mantêm-se de bem com a vida e não se preocupa com a opinião alheia.
Não dá ouvidos às críticas, para que elas não evoluam.
Quem se ama de verdade não guarda raiva,
rancor ou ressentimento, vê tudo a sua volta
como se fosse um processo de auto-conhecimento,
está sempre disposto a perdoar e compreender em qualquer situação.
Quem se ama de verdade não aceita sugestões negativas,
policia seus pensamentos e procura analisar cada um.
Quem se ama de verdade não se magoa,
não fica chorando quando é magoada.
não se entristece por qualquer razão,
não perde o controle em qualquer situação e
não se deixa levar por qualquer situação negativa.

Quem se ama sente coragem e segurança de sempre recomeçar,
se for necessário, sem medo do desconhecido

Jair Ribeiro (Juquinha)

domingo, 24 de julho de 2011

Hoje!



Hoje, não quero poesias.
Amanhã, talvez!!
Não saberia o que fazer com elas.
Hoje só quero o céu...
Quero andar entre as nuvens
Repousar em braços ternos.
Hoje, quero passear entre afagos
Deitar meu corpo cansado
Secar meus olhos em tua boca muda
Penetrar no âmago do teu ser.
Hoje, não quero poesias...
Só hoje...Só hoje!!!
Porém, as palavras se juntam
Misturam-se em meus soluços
Elas me governam e formam versos.
Proseiam independentes de mim.
Hoje não queria poesias
Já disse, já disse...
Não queria palavras escritas
Queria a essência, queria o som.
Queria a voz branda em meus ouvidos.
Uma voz esquecida no tempo
Queria um sorriso rouco
Um aconchego louco.
Um olhar certeiro, lindooooo!
Só pra flutuar até o infinito
Indo de encontro a ti.
Hoje não queria rimas
Só queria climas.
Não queria, não queria.

Enfim...
Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

Sem Medo de Ser Feliz



Se acaso um dia pensares em nós
e sentires alguma saudade
E nessa saudade sentir minha falta
E se esse vazio que a minha falta faz
lhe provocar lágrimas
Venha, venha correndo para mim,
Venha sem medo, venha qualquer dia...
Se um dia folheando seu passado
Me encontrar por lá meio esquecida
E nesse esquecimento lembrar algo de bom
Venha, volte ao meu lado
Mesmo que ache tarde demais
Ainda que seja muito passado ou
Um futuro distante
Venha, me procure, me ache..
Me surpreenda com sua chegada...
Quando em seus olhos
já não mais existir o brilho dos meus,
Quando a sua canção
não for mais com meu nome
Quando seus poemas
não mais falarem de seu amor por mim
Quando em suas roupas
já não sentir mais meu cheiro
Quando achar que está tudo acabando...
Venha mesmo assim
Venha me buscar,
venha resgatar o que ainda existe
Venha acabar de sonhar nossos sonhos
Venha acabar de viver nosso amor
Venha viver nossas emoções
Venha completar em mim algo que perdi
Um pedaço de Você...

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

domingo, 17 de julho de 2011

Eu Deixo a onda me Acertar!




De tarde quero descansar para chegar até a praia e ver se o vento ainda forte para levar ate você os meus pensamentos por que no momento vai ser bom subir nas pedras para tentar te ver.
Sei que faço isso pra esquecer você mesmo sem querer não se tira alguém que esta dentro, pisando firme sobre as pedras para ver como é que sol se esconde no meio do mar sabendo que no outro dia estará de volta.
Eu deixo a onda me acertar imaginado que poderia ser seu abraço em seguida vejo o vento que vai levando tudo embora em sua direção tudo que aquilo que eu penso, tudo aquilo que eu desejo de você, sinto agora os meus pensamentos está tão longe, mas sempre na sua direção e mesmo assim eu continuo vendo a linha do horizonte a me distrair e ao mesmo tempo a onda vem me acertar como se fosse o seu abraço.
Dos planos, fizemos de tudo, eu tenho saudade por que através de nossos planos via uma janela quando olhávamos juntos na mesma direção.
Aonde está você agora? Em que direção você foi? Parece que você seguiu em uma direção aonde o vento não vem ate amim, por isso eu estou me sentindo alem daqui de dentro de mim.
Agimos certo sem querer, sem notar que o tempo parou e sem saber, por que errou, acredite é difícil sem você não entender o porque você não esta comigo.
O tempo todo ouço o vento passar sentindo a brisa do mar imaginando onde você está e quando eu me distraio é vejo o mar que parece que tem algo a me dizer as ondas segui firme em minha direção para me encontrar.
Existe algo que diz que a vida continua mesmo sem você, mas ninguém explicou que sem você seria bem mais difícil sem você é por isso que não devemos entregar por qualquer bobagem o que posso fazer nessa altura é cuidar de mim para que os meus dias sejam prolongados por que ainda eu quero ser feliz ao menos.
Lembra que o plano era ficarmos bem e cada um cuidar do outro para sermos feliz e com o tempo agente segui em uma só direção e com o tempo, olha só o que eu achei um caminho que me faz andar sozinho sem você.
Hoje eu caminho sozinho por um único motivo para esquecer, de vez em quando eu deixo a onda me acertar como se fosse os seus braços aberto e o vento vai levando tudo embora em sua direção para que você saiba que eu ainda existo e que ainda eu estou no mesmo lugar.

Autor Jair Ribeiro (Juquinha)


sexta-feira, 15 de julho de 2011

NADA COMO O TEMPO



Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.
Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o "alguém" da sua vida.
Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.
O segredo é não correr atrás das borboletas... é cuidar do jardim para que elas venham até você.
No final das contas, você vai achar quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!
O casamento é como um jardim tem que ser regado e cuidado para evitar que a borboleta voa para outro jardim e o jardineiro tome posse.


Autor Jair Ribeiro (Juquinha)

O Meu Coração Vai Continuar





evivendo os momentos em que você fez parte e que por mais que eu queira não são deletados e eu não entendo o porquê.
Todas as noites você vem nos meus sonhos eu vejo você, e como se tudo fosse real ate parece te vejo nos dias que eu vive
ao seu lado é tão real que eu ate sinto você aqui.
É dessa maneira que sei que você continua existindo mesmo sabendo que na verdade não passa de um sonho, um sonho que eu adoraria que fosse real como antes que eu vivi com você.
Mesmo com toda a distância e espaços entre nós você veio para mostrar que vai continuar sei que nos magoamos nos ferimos
diante de tantas palavras torpes que não nos ajudou em nada e só aumentou a nossa dor.
Perto, longe, onde quer que você esteja eu acredito que o coração realmente continua batendo mais forte e mais firme em meu peito e quem sabe um dia você mais uma vez, você abre a porta e me deixe entrar para morar para sempre, por que sempre esteve em meu coração por mais que eu vagasse pelo mundo ou pela vida, você sempre morou em meu coração.
E em meu coração você vai continuar mais e mais ate que um dia o silencio tome conta de mim para sempre.
O amor pode nos tocar uma vez e durar por uma vida inteira da mesma forma é a saudade que eu sinto por você.
Traz-me saudade que nunca vai embora que traz lembranças de todos os momentos que vivi ao seu lado em uma casa singela dormíamos no chão nas noites frias os meus pés aquecia os seus, agarrado em seu corpo sem imaginar que hoje eu estaria distante de você, distante de tudo e ate mesmo de todos.
E nunca te abandonar até sermos um só corpo unidos pela alma de um homem e de uma mulher.
No primeiro momento que eu te vi foi amor e foi daí que tudo começos ao experimentar os seus lábios selou o meu coração para resto de minha vida um momento real que eu guardei em um lugar bem especial em minha vida que
eu jamais esquecerei e acredite nós sempre continuaremos a lembrar de você eu e o meu humilde coração.
Perto, longe, onde quer que você estiver eu estarei aqui sempre e nunca vou esquecer dos momentos que vivi ao seu lado de pele branca como a neve e carinhosamente a negra de minha vida e dos meus dias.
Eu acredito que o coração realmente continua batendo mais forte quando falo dessa forma por que é uma pessoa especial que eu mesmo que eu queira não posso esquecer e mais uma vez, eu abro a porta e vejo que você esta aqui no meu coração e acredite-me eu já tentei tirar você de dentro do meu coração aprende que eu não posso lutar com quem é mais forte que eu.
O meu coração vai continuar mais e mais guardando tudo que você realmente significa para ele e para mim por que nesse mundo pode existir quase, mulher melhor que você jamais.
E assim eu me convence que o meu coração vai continuar pelos dias a fora e quem sabe vamos ficar para sempre assim.
Mas acredite que você sempre estará seguro no meu coração e em meus pensamentos continuara lembrando de você.
E meu coração vai continuar mais e mais.
A nega branca que um homem como eu teve e que jamais esqueceu.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Um Amor que Morre No virtual






Todos os dias morre um amor.
Quase nunca percebemos,
mas todos os dias morre um amor.
Às vezes de forma lenta e gradativa,
quase indolor, após anos e anos de rotina.
Às vezes melodramaticamente,
como nas piores novelas mexicanas,
com direito a bate bocas vexaminosos,
capazes de acordar o mais surdo dos vizinhos.
Pode morrer em uma cama de motel
ou simplesmente em frente à televisão de domingo.
Morre sem um beijo antes de dormir,
sem mãos dadas, sem olhares compreensivos,
com um gosto salgado de uma lágrima nos lábios.
Morre depois de telefonemas cada vez mais espaçados,
diálogos cada vez mais resumidos,
de beijos cada vez mais gelados...
Morre da mais completa e letal inanição!!!
Todos os dias morre um amor, embora nós,
românticos mais na teoria do que na prática,
relutemos em admitir.
Pode morrer como uma explosão,
seguida de um suspiro profundo
(porque nada é mais dolorido do que a constatação de um fracasso),
de saber que, mais uma vez, um amor morreu.
Porque, por mais que não queiramos aprender,
a vida sempre nos ensina alguma coisa.
Esta é a lição: qualquer amor pode morrer!
E todos os dias, em algum lugar do mundo,
existe um amor sendo assassinado.
Como pista desse terrível crime,
surge uma sacola de presentes devolvidos,
uma lista de palavrões sem censura,
ou o barulho insuportável do relógio depois da discussão...
Afinal, todo crime deixa as suas evidências!
Todos nós podemos ser um assassino.
E podemos agir como age um assassino:
podemos nos esconder debaixo das cobertas,
podemos nos refugiar em salas de cinema vazias,
ou preferir trabalhar que nem um louco,
ou viajar para "espairecer",
ou confessar a culpa em altos brados,
fazendo do garçom o seu confidente...
Mas há também aqueles que negam, veementemente,
a sua participação no crime, e buscam por novas vítimas
em salas de bate papo ou pistas de danceteria,
sem dor ou remorso.
Os mais perigosos aproveitam sua experiência
de criminosos para escreverem livros de auto ajuda,
com a ironia de quem tem muito a ensinar
para os corações ainda puros.
Existem também os amores
que clamam por um tiro de misericórdia:
ainda estão juntos,
mas se comportam como um cavalo ferido,
esperando ser sacrificado.
Existem também os amores fantasma,
aqueles que se recusam a admitir que já morreram..
São capazes de perdurar anos,
como mortos vivos sobre a Terra,
teimando em resistir apesar das camas separadas,
beijos frios e burocráticos,
e sexo sem tesão (se houver).
Estes não querem ser sacrificados,
mas irão definhar aos poucos,
até se tornarem como laranjas chupadas.
Existem ainda os amores vegetais,
aqueles que vivem em permanente estado de letargia,
que se refugiam em fantasias platônicas,
recordando até o fim de seus dias
o sorriso daquela ruivinha da 4a. série.
Ou, se faz presente na fã que até hoje suspira e delira
em frente a um pôster do Elvis Presley.
Mas eu, quase já desistindo da minha busca,
pude ainda encontrar uma outra classificação:
os amores vencedores.
Aqueles que, apesar da luta diária pela sobrevivência,
das infinitas contas a pagar,
da paixão que decresce com o decorrer dos anos,
da mesa-redonda no final de domingo,
das calcinhas penduradas no chuveiro
e das brigas que não levam a nada,
ressuscitam das cinzas e se revelaram fortes,
pacientes e esperançosos.
Mas estes são raríssimos,
e há quem duvide de sua existência.
São de uma beleza tão pura e rara que parecem lendas.
Um dia vou colocar um anúncio,
bem espalhafatoso, no jornal:
PROCURA-SE UM AMOR VENCEDOR
- ofereço generosa recompensa.
Mas, no fundo, sei que ele não surgiria como por acaso...
O que esses poucos vencedores
falam é de que esse amor foi suado,
trabalhado, bem administrado
nas centenas de situações do cotidiano.
Não é um presente de loteria,
de sorte, nem de magia.
É simplesmente o resultado concreto daquilo
que foi um relacionamento maduro
e crescente entre duas pessoas .

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)


Amor & Loucura



Contam que uma vez se reuniram todos os sentimentos e qualidades dos homens em um lugar da terra.
Quando o ABORRECIMENTO havia reclamado pela terceira vez, a LOUCURA, como sempre tão louca, lhes propôs:
- Vamos brincar de esconde-esconde?
A INTRIGA levantou a sobrancelha intrigada e a CURIOSIDADE sem poder conter-se perguntou:
- Esconde-esconde? Como é isso?
- É um jogo, explicou a LOUCURA, em que eu fecho os olhos e começo a contar de um a um milhão
enquanto vocês se escondem, e quando eu tiver terminado de contar, o primeiro de vocês que eu encontrar ocupará meu lugar para continuar o jogo.
O ENTUSIASMO dançou seguido pela EUFORIA.
A ALEGRIA deu tantos saltos que acabou por convencer a DÚVIDA e até mesmo a APATIA, que nunca se interessavam por nada. Mas nem todos quiseram participar.
A VERDADE preferiu não esconder-se. "Para quê, se no final todos me encontram?
A SOBERBA opinou que era um jogo muito tonto (no fundo o que a incomodava era que a ideia não tivesse sido dela).
A COBARDIA preferiu não arriscar-se.
- Um, dois, três, quatro... - começou a contar a LOUCURA.
A primeira a esconder-se foi a PRESSA, que como sempre caiu atrás da primeira pedra do caminho.
A FÉ subiu ao céu e a INVEJA se escondeu atrás da sombra do TRIUNFO, que com seu próprio esforço tinha conseguido subir na copa da árvore mais alta.
A GENEROSIDADE quase não consegue esconder-se, pois cada local que encontrava, lhe parecia maravilhoso para algum de seus amigos. Se era um lago cristalino, ideal para a BELEZA. Se era a copa de uma árvore, perfeito para a TIMIDEZ. Se era o voo de uma borboleta, o melhor para a VOLÚPIA. Se era uma rajada de vento, magnífico para a LIBERDADE.
E assim acabou escondendo-se em um raio de sol.
O EGOÍSMO, ao contrário, encontrou um local muito bom desde o início. Ventilado, cómodo, mas apenas para ele.
A MENTIRA escondeu-se no fundo do oceano (mentira, na realidade, escondeu-se atrás do arco-íris). E a PAIXÃO e o DESEJO, no centro dos vulcões.
O ESQUECIMENTO, não me recordo onde se escondeu, mas isso não é o mais importante.
Quando a LOUCURA estava lá pelo 999.999, o AMOR ainda não havia encontrado um local para se esconder, pois todos já estavam ocupados, até que encontrou uma roseira e, carinhosamente, decidiu esconder-se entre suas flores.
A primeira a aparecer foi a PRESSA, apenas a três passos de uma pedra.
Depois, escutou-se a FÉ discutindo com Deus, no céu, sobre zoologia.
Sentiu-se vibrar a PAIXÃO e o DESEJO nos vulcões.
Em um descuido, a LOUCURA encontrou a INVEJA e claro, pode deduzir onde estava o TRIUNFO. O EGOÍSMO, não teve nem que procurá-lo: ele sozinho saiu disparado de seu esconderijo, que na verdade era um ninho de vespas.
De tanto caminhar, a LOUCURA sentiu sede e ao aproximar-se de um lago, descobriu a BELEZA. A DÚVIDA foi mais fácil ainda, pois a encontrou sentada sobre uma cerca sem decidir de que lado esconder-se.
E assim foi encontrando a todos. O TALENTO entre a erva fresca, a ANGÚSTIA em uma cova escura, a MENTIRA atrás do arco-íris (mentira, estava no fundo do oceano) e até o ESQUECIMENTO, que já havia esquecido que estava brincando de esconde-esconde.
Apenas o AMOR não aparecia em nenhum local.
A LOUCURA procurou atrás de cada árvore, embaixo de cada rocha do planeta e em cima das montanhas. Quando estava a ponto de dar-se por vencida, encontrou um roseiral. Pegou uma forquilha e começou a mover os ramos, quando, no mesmo instante, escutou-se um doloroso grito. Os espinhos tinham ferido o AMOR nos olhos.
A LOUCURA não sabia o que fazer para desculpar-se. Chorou, rezou, implorou, pediu perdão e até prometeu ser seu guia.
Desde então, desde que pela primeira vez se brincou de esconde-esconde na terra, o AMOR é cego e a LOUCURA sempre o acompanha.

Autor: Jair ribeiro (Juquinha)

A sobra de um amigo




Tenho que te escrever umas linhas
para te dizer o quanto eu te quero.
ontem enquanto falavas com os teus amigos
Eu esperei todo o dia na expectativa
de que viesses falar comigo.
Eu providenciei o pôr-do-sol para o término do teu dia,
e, uma aragem fresca para descansares,
e, eu esperei, mas não vieste.
Magoou-me, mas contínuo a amar, porque sou teu amigo.
Eu vi-te a dormir ontem à noite e desejei acariciar-te,
mas em vez disso dei-te um luar para te adormecer em paz.
Mais uma vez eu esperei,
desejando que tu te dispusesses a conversar comigo.
Eu tenho dons para te dar, mas
tu acordas e corres para os teus afazeres.
A chuva era como as lágrimas que eu derramei.
Se apenas te dispusesses a me escutar as palavras sinceras que eu te amo!
Tentei dizer através do céu azul e da beleza da natureza.
O vento criava um sussurro nas folhas das árvores.
Dei aos pássaros canções de amor,
enquanto nas montanhas os ribeiros da água to gritavam.
Vesti-te com o calor do sol e
perfumei o ar com o perfume das flores.
Meu amor por ti é mais fundo do que os mares e,
superior à maior necessidade do teu coração.
Pede e eu te darei!
Por favor, não te esqueças de mim.
Há tantas coisas que eu gostaria de compartilhar contigo!
Não vou te precionar pois a decisão é tua.
Eu te escolhi, e por isso esperarei... porque eu te amo.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

Eu como todo ser, tenho defeitos!




A verdadeira medida de um homem não se vê na forma como se comporta em momentos de conforto e conveniência, mas em como se mantém em tempos de controvérsia e desafio.
As palavras de amizade e conforto podem ser curtas e sucintas, mas o seu eco é infindável.
A consciência de amar e ser amado traz um conforto e riqueza à vida que nada mais consegue trazer
Os covardes morrem várias vezes antes da sua morte, mas o homem corajoso experimenta a morte apenas uma vez.
Não há palavras que defina uma boa amizade.
Por isso tento conserva-las .
Não julgo as pessoas pelo quem elas tem, e sim pelo que elas venham representar em minha vida.
Eu como todo ser, tenho defeitos .
Não há ninguém perfeito no mundo. Por isso tento compreender as pessoas e o seu jeito de ser para melhor entender o que realmente representa uma boa amizade na nossa vida cotidiana.
O que mais preocupa não é nem o grito dos violentos, dos corruptos, dos desonestos, dos sem-caráter, dos sem-ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons.
Quando você nasceu, você estava chorando e todas as pessoas ao seu redor estavam sorrindo. Viva de um modo que, ao morrer, você seja aquele que esteja sorrindo enquanto todos a sua volta estejam chorando
Sempre que possível, converse com um saco de cimento. Nessa vida só devemos acreditar naquilo que um dia pode ser concreto.
Se algum dia sentires a minha falta, olhe para o horizonte e toda vida que uma brisa leve tocar seu rosto, lembre-se: sou eu que te beijo em pleno silêncio.
Quando o sol aquecer a sua pele sou eu te conduzindo pelo meu calor, sempre estarei ao seu lado.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)


domingo, 10 de julho de 2011

Bem mais que Amigo!



No futuro bem mais que amigo!
Num dia de grande emoção
Que pedia o coração para te agradecer
com uma sincera oração.
Ah! se eu fosse um bom poeta,
ou regesse uma grande orquestra
te homenagearia com a mais bela poesia
e uma radiosa harmonia!
E para você grande amigo das horas de alegria
Em que eu mais queria,tu estavas lá
na hora certa pronto a me amparar,
e a minha cruz aliviar.
O amigo pontual, da hora especial
sempre pronto a colaborar
tornando seguro o meu caminhar!
Por todas as horas de felicidade
Rogo a Deus que te abençoe sempre!
Haaa como eu queria ir ate você e te dizer
Que és muito especial e te guardaria em meu coração
Como se você fosse um troféu.
Eu te daria um abraço e em meios abraços
Sussurraria em seu ouvido com palavras
sinceras para que você soubesse que um
dia poderia ser bem mais que especial
bem mais que amigo bem mais que tudo.
De tão especial seria um bem, bem maior que amigo.

Jair Ribeiro (Juquinha)

Amigo se você quiser!



Não posso dar-te soluções
Para todos os problemas da vida,
Nem tenho resposta
Para as tuas dúvidas ou temores,
Mas posso ouvir-te
E compartilhar contigo.
Não posso mudar
O teu passado nem o teu futuro.
Mas quando necessitares de mim
Estarei junto a ti.
Não posso evitar que tropeces,
Somente posso oferecer-te a minha mão
Para que te sustentes e não caias.
As tuas alegrias
Os teus triunfos e os teus êxitos
Não são os meus,
Mas desfruto sinceramente
Quando te vejo feliz.
Não julgo as decisões
Que tomas na vida,
Limito-me a apoiar-te,
A estimular-te
E a ajudar-te sem que me peças.
Não posso traçar-te limites
Dentro dos quais deves atuar,
Mas sim, oferecer-te o espaço
Necessário para cresceres.
Não posso evitar o teu sofrimento
Quando alguma mágoa
Te parte o coração,
Mas posso chorar contigo
E recolher os pedaços
Para armá-los novamente.
Não posso decidir quem foste
Nem quem deverás ser,
Somente posso
Amar-te como és
E ser teu amigo.
Todos os dias, penso
Nos meus amigos e amigas,
Não estás acima,
Nem abaixo nem no meio,
Não encabeças
Nem concluís a lista.
Não és o número um
Nem o número final.
E tão pouco tenho
A pretensão de ser
O primeiro
O segundo
Ou o terceiro
Da tua lista.
Basta que me queiras como amigo
Dormir feliz.
Emanar vibrações de amor.
Saber que estamos aqui de passagem.
Melhorar as relações.
Aproveitar as oportunidades.
Escutar o coração.
Acreditar na vida.
E mesmo virtual ou distante Serei
seu amigo hoje e sempre ate que um
dia alguém me chame para esta ao seu lado.
Ate esse dia chegar estarei aqui se você precisar.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)

Quisera eu



Quisera eu
Viver em seus braços eternamente
Quisera ser todo seu
Pairando em sua mente.
Sonhei em flutuar em seus carinhos
Busquei forças nessa amizade sincera
Para trilhar por todos os seus caminhos
Quirera eu ser aquecido por seu calor.
No frio do meu pequeno leito
Sinto-me como pombo ferido
Sentindo dores no peito
Mero menino perdido.
Quisera eu lhe encontrar
Falar - lhe dos meus sinceros sentimentos
Quiseras ao menos poder lhe abraçar
Apaziguar um pouco os meus sofrimentos.
Quisera eu viver com você
Como a planta e sua flor
Quisera eu...
Viver alimentado por seu amor
Amor de pessoa como você uma
Amiga verdadeira....

Autor:
Jair Ribeiro (Juquinha)

Sinto a sua Falta



Outra vez estou sentindo
A falta de você
Trancado nesse apartamento
Como eu queria te ver
Pra te dizer tenho certeza
Que você é o meu amor
Por favor dê outra chance
E acabe a minha dor
Sei que para outro alguém
Você se entregou
Mas te dou o meu perdão
O que passou, passou
Dessa vez eu te prometo
Vou te fazer feliz
Você pra mim é o meu mundo
É tudo o que eu sempre quis
As noites em claro teu nome eu chamo
Rolo na cama, não pego no sono
Sinto um vazio, saudade que não tem mais fim
Traga de volta a felicidade
Me faz sorrir outra vez de verdade
Se eu fosse você, nem pensava
Eu voltava pra mim

Autor:
Jair Ribeiro (Juquinha)


O Alerta da terra



O Planeta terra viaja pelo espaço girando em torno de se mesmo ao arredor do Sol
Enquanto o homem dentro desse planeta faz sua morada e constrói sonhos e historia.
Historia de devastação e destruição ao ponto de colocar em risco a própria espécie humana.
Não há tantas florestas, nosso ar contem veneno de nossas criações, a ganâncias e nosso consumismo excessivos.
O Homem vem retirando da terra tudo que ela pode fornecer condenando as próximas gerações como se não houvesse o amanhã.
A terra esta rugindo seus últimos dias, nosso lar esta ameaçado o nosso habitar esta sendo devastado pelo homem sem dou ou sem piedade o planeta terra já sente com a devastação do homem.
O planeta esta morrendo lentamente, nossas arvores sendo derrubadas, a terra teme em fica vazia pelo universo a vagar.
Enfurecida mostra que esta doente e chora a traves das enchentes o quanto esta sofrendo.
E pelo universo a terra sangra seu magma quente mostrando a sua fúria alertando e devastando na tentativa de alertar a humanidade, com a febre de alta temperatura por causa do aquecimento terrestre que não baixa, derrete as calotas polares que levou anos para se formar e inundando o solo e pelo universo a terra vaga e com ela o homem sofre pelos seus erros.
Não há outro lugar fora da terra que possamos sobreviver e a humanidade sabe bem disso, mas o homem não acordou diante dos fatos que a terra esta morrendo e junto com ela toda a raça humana e com isso o nosso futuro é inserto.
A morte da terra esta sendo anunciada por ela com os terremotos, Enchentes, derretimento das geleiras, Irrupções de vulcões constantes e o pior a terra esta perdendo sua proteção contras os raios atômicos produzido pelo sol e se isso continuar não haverá historia, historia que se perdera por causa do ser humano.
Precisamos cuidar desse planeta agora se quisermos sobreviver e continuar a historia.
Precisamos urgente parar com a devastação das matas, despoluir os rios, reduzir para 80% o monoxó de carbono no ar, reaproveitar a mineração retirada do solo ao invés de continuar tirando, reflorestar, e fiscalizar as derrubadas.
Somente assim poderemos garantir a sobrevivência para mais alguns anos.
Se perdemos esse planeta nossa espécie deixara de existir e junto nossa historia se perdera no universo.

Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)



Tanta coisa a gente vive apenas por viver
tanta coisa acontece sem nosso querer
e o coração sem ter noção
vai sofrendo e aprendendo, querendo entender
Eu andava tão sozinho mas você chegou
eu não tinha um caminho mas você mostrou
meu coração, minha razão
o que era tão vazio hoje é amor
E o meu destino é você
o meu sonho é você
minha emoção, minha alegria
a minha eterna poesia
meu universo é você
minha vida é você
felicidade que é difícil de entender
o meu destino é você

No fundo do Coração




Os dias passam e junto com eles eu envelheço debruçado na janela vendo o sol partir sem ao menos se despedir.
E ao cair da noite arodeado de amigos e parentes e mesmo assim me sinto sozinho, sozinho de tudo e do mundo.
Às vezes a noite é fria sentando em algum canto da casa me pego lembrando de você momentos que jamais serão apagados da memória e que seguira comigo pelo tempo.
E cada noite que chega parece ser as mesmas, é como se elas se repetissem como forma de me castigar me jogando pelo canto da casa sozinho longe de tudo e de todos.
Dizem que não podemos esta em dois lugares ao mesmo tempo, mas será que é verdade? Por que nesse monto que eu estou escrevendo posso sentir pertinho de você a cada momentos que vivemos eu posso sentir e velos.
Na verdade meu corpo esta aqui só que a minha alma esta bem longe sobrevoando os trilhos do metro posso ver cada trajeto de quando eu ia em sua direção posso ver o metro parando em cada estação e como sempre seguindo em sua direção.
Mas de repente eu paro de imaginar no mesmo canto da casa e vejo que eu ainda estou no mesmo lugar assim é os meus dias todas as noite estou em dois lugares ao mesmo tempo e em um deles eu sou real e no outro eu sou imaginação um sonho.
Sonhando em estar ao seu lado sentindo seus lábios seus carinhos e ouvindo o seu coração pulsar com força seu respiro ofegante depois de tanto amor feito, ouço seu jeito de mulher que faz em meu ser florar o homem que sou, vejo seu jeito de olhar me pedindo para ficar e que envelheceríamos sem dizer mais nem um adeus e segurando em suas mãos para não te deixar, então me vejo sendo arrastado de volta para a minha realidade e acordado do sonho e novamente sozinho e pelas madrugadas adentro e rolando de um lado para o outro e tendo de companhia um travesseiro frio que eu abraço imaginando você em meus braços e lembrado os momentos que te dava um beijo de boa noite e ao mesmo tempo minhas mãos deslizavam em seu cabelo e assim era a madrugada inteira.
E rolando de um lado para o outro o dia amanhece e uma nova manhã surge do horizonte e com ele os primeiros raios solares que impura o frio que me fez companhia durante a madrugada.
Levanto-me em direção a janela e olhando por ela esperando você me buscar de volta para o seu colo para seu coração e nele nunca mais sair.
Mas é ai que eu tento amadurecer por que tudo às vezes são só um sonho e imaginação, sonhos só existem em conto de fada e minha vida é real.
Real ate de mais e que preciso parar de sonhar e levar mais a sério o presente onde tudo eu tenho que seguir meus dias sozinho, sozinho em busca de uma direção para seguir firme em meus dias que vira.
Sei que eu não posso deixar de esquecer os momentos que marcou a minha vida momentos inesquecível que jamais serão apagados por mim e nem pelo tempo.
Um homem sábio disse:
O coração é um deposito secreto e lá bem no fundo em algum lugar bem escondido guardamos o que não queremos esquecer e para sempre por todo sempre os momentos que vivi serão guardados para que eu nunca esqueça que um dia você esteve em minha vida e fez parte dela!


Autor: Jair Ribeiro (Juquinha)